O estouro de fogos de artificio incomoda e assusta os animais, que podem ter reações de estresse devido ao barulho. Nessas situações, cães e gatos tentam se abrigar em qualquer lugar, independente da distância ou altura, havendo assim o risco de saltar de varandas, sair correndo pelas ruas, pular portões com lanças, já que estão desnorteados em busca de abrigo onde não há barulhos.

 

Recomendações e cuidados para seus pets

  • Evite deixar seu animal sozinho no momento da queima de fogos.
  • Vai viajar? Escolha um lugar aonde possa levá-los, ou adie a viagem para uma época mais tranquila.
  • Caso fique em casa, deixe o animal em um local confortável e com o menor barulho possível para que ele se sinta seguro.
  • Feche o máximo de portas e janelas para que o som fique abafado.
  • Dê medicações somente se necessário e com a orientação de um médico veterinário.

 

 

Sinais a que o tutor deve estar atento:

 

  1. Ansiedade
  2. Vômitos
  3. Medo
  4. Convulsões
  5. Taquicardia

 

 

No dia a dia, você pode tentar acostumar o seu animal com o barulho, colocando sons de chuvas e trovões ou até mesmo de fogos para ele ouvir (em volume baixo). E, ainda, associe os barulhos dos fogos de artifício a momentos legais como brincadeiras ou festas.

 

Na dúvida, busque orientações com um médico veterinário.